Xadrez vs Damas

Xadrez vs Damas

Maio 24, 2018 1 Por Capita

Uma Explicação mais fundamentada sobre os jogos

Muita gente acha o xadrez meio difícil de entender e outros acham moleza e se tornam mestres rapidamente. Costuma-se muito a dizer que a pratica contribui muito para a perfeição mas o segredo está nas diferentes maneiras que vemos as coisas.

Para se tornar expert em algo você precisa conhecer aquilo de varias maneiras possíveis, você precisa armazenar mais possibilidades das mais aceites as mais interessantes, mas mais ruins as mais boas, porque so assim você vai poder escolher o que fazer com mais clareza, ou seja, você precisa saber ver o xadrez de varias maneiras diferentes de coisas que você melhor domina, para poder estimular rapidamente com o seu conhecimento naquilo que deseja aprender.

Todos os jogos têm um propósito, um objetivo e/ou vários alvos simultaneamente. Todos os jogos servem para perder, ganhar ou empatar. Se você escolher jogar para ganhar então deve derrotar o teu adversário, se você está a jogar para empatar deve pensar como o teu adversário e dar aquilo que ele gostaria para conseguir uma posição empatada mas nunca se joga para perder.

Voce tem que saber compreender cada imagem de jogo da mesma maneira que você compreende melhor aquilo que você mais sabe, por exemplo se você é um bom jogador de futebol, pode traduzir as linhas daquele jogo em xadrez, jogos são, apesar de serem jogos, como linguagens e alguns servem para nos comunicarmos e outros para expressarmos os nossos sentimentos num mundo sem lei, como é o caso do xadrez entre outros.

Só existe um mundo sem lei, no jogo. No jogo você corrompe e não será crime, destrói e não é crime, você deve usar o máximo do seu potencial nos jogos, na verdade é através do jogo onde acabamos por despertar as partes mais limpas das nossas cabeças, nos jogos não tem nada de bem ou mal, é jogo e não tem lei, livre de preconceito e cada um faz o que devia.

Muita gente vê a dama como um jogo de tabuleiro muito fácil de jogar e muito rápido, clássico, a maioria dessas pessoas quando defrontadas com um tabuleiro decorado de peças de xadrez esquecem tudo o que aprenderam na dama e assimilam dificuldade, é assim que o cérebro funciona mas pode ser clareado, o peso pode ser aliviado por outro peso maior. Já falamos que a ideia de jogar é a mesma em todas as imagens de jogo acima, usando essa lógica, vamos supor que como a dama é simples, é um jogo onde só se joga numa das cores do tabuleiro, se promover também não anda noutra cor e podemos assim considerá-la um jogo simples.

Tudo existe, esse contexto existe e vamos ver como. A dama apesar de ser um jogo muito simples de se jogar, aprende-se praticamente com menos de poucas explicações, tem suas estratégias, suas tácticas e seus pensamentos lógicos. Por exemplo, como é jogo, sabemos que podemos fazer troca assim como na vida, porem na vida tem aquilo de moral, legal, ético etc, mas no jogo não, então decidimos trocar um peão por três, por exemplo e isso acontece bastante nos jogos de damas e em tantos outros jogos, seguindo a lógica.

Para se dominar completamente uma habilidade é necessário compreender da melhor maneira o significado das palavras, o valor que se dá as palavras devem ser hiperestimados para que não deixe seu consciente pensando que você está a assimilar algo de pouco valor para ti, quando você pensa que está a assimilar algo limpo e interessante, valioso e útil, você comanda o seu subconsciente da melhor maneira, ele é motivado pela alegria e com isso ele oferece pensamentos positivos e optimistas em troca, tente lhe animar o mais rápido possível e use com alegria e diversão sempre o máximo dele porque ele se vicia rápido, você só precisa dar um arranque ele pedala.

Antes de aprender algo durante o dia você diz ao seu subconsciente que você fará aquilo, você prepara a sua mente com aquilo porque se não estivermos habituados com surpresas podemos acabar por não gostá-las e se não gostarmos de surpresas nem vamos querer mais recebe-las. Por exemplo se quiser aprender mais sobre golfe você tem que dizer ao tem cérebro que pretende saber mais sobre o golfe, e todas as vantagens curiosas que estão na sua cabeça, tal que quando você vai começar a encontrar as respostas adequadas, você não vai mais esquecer, você deve ser o melhor amigo do seu subconsciente porque ele precisa de ti e voce dele, deve estar mais perto de ti cada vez mais, você é todo mundo, deve estar mais próximos de todo mundo porque no principio um se multiplicou em infinitos.

Quando você está disposto a aprender você aprende, e a disposição pode ser treinada, acelerada e estimulada, deve ser viciada porque se for o teu objetivo aprender, você tem que limpar o caminho para construir um plano, voce aprende mais rápido quando sabe responder porque está a aprender aquilo da maneira que convence o seu subconsciente, se voce dizer que está a estudar para ser político o seu subconsciente vai viver relaxado em relação a voce estudar para ser programador e se voce programar bem o seu jogo, vai ter pecar como programadores e chegar até mesmo a criar uma Google no jogo só de planos.

Na vida sempre apontamos o dedo ao outro pelos nossos erros por causa da lei, da moral e da cultura mas no jogo não existe isso, no jogo vive-se com base no erro do outro, jogamos esperando que o outro jogue da maneira mais adequada a sua derrota, por isso você deve conhecer muito da jogada do adversário, você não deve ligar muito para o jogo que você faz, a sua visão deve estar nas peças do adversário, porque ele tem o recurso valioso que voce precisa, e estou disposto a lutar para conseguir lhe receber.

Os teus lances devem ser em função dos lances do adversário, não responde a toa, responde sempre em função dos lances do adversário, a isso chama-se explorar debilidades, todos os lances do tabuleiro devem ser objetivos, diferente de ter objetivos, com mais de um ou dois planos de acção no mínimo suficientes para fazer o adversário jogar erradamente por causa da duvida, a isso chama-se estratégia.

A estratégia na verdade é a maneira que você usa para converter o outro, para conquistar o outro, para atrair o outro, para desviar o outro, para usar o outro, para ter controle sobre o outro.

Toda a estratégia deve possuir no mínimo três linhas, duas é fácil de se ver e gera pouco elo. Ou seja, as estratégias podem gerar combinações entre as estratégias.

Por exemplo na dama podemos avançar uma peça que força o adversário não jogar o que seria seu melhor lance, podemos fazer com que o adversário crie sua maior debilidade impedindo de fazer o que seria seu melhor lance, as estratégias que geram muitas ideias, podem conter nas suas ideias coisas como, debilitar a posição do adversário, ameaçar o ponto x, lutar por y, conseguir vantagens sacrificando, conseguir vantagens atacando múltiplas peças, ou seja, há dentro do jogo táticas que são melhor usadas com boas estratégias. Se você combinar um lance com mais de três ideias, ou seja, se voce conseguir criar um lance no meio de jogo que te dê muito tempo de desenvolvimento, voce deve investir nesse lance, você pode seguir por vários desses caminhos para explorar posição do adversário, na dama assim como no xadrez, quanto mais chegamos na área do adversário ou mais fracos ou mais fortes ficamos, não é bom ir a área do outro no principio do jogo excepto em situação de sacrifícios estranhos que servem para abrir linhas e/ou diagonais.

Uma táctica é um artifício que se usa para ganhar tempo. A moeda principal do jogo é o tempo. Todos os jogos rodam em função do tempo ou seja, na estratégia temos um investimento e na tatica temos um consumo.

Deves fazer aquilo dentro de, e você deve respeitar, assim como dever ficar rico antes de, todo mundo deve lutar para atingir os seus objetivos, isso é muito real, não dá pra ganhar dinheiro parado, até fumar maconha pode gerar lucros, pense bem. Use o seu tempo de jogo com maior precisão e não deixe ser roubado por ninguém. Você deve ter tudo no jogo, deve ser rico, deve criar áreas para ataque, áreas para desvio, áreas para atracão, e áreas para ataque defesa. Os teus lances no jogo não devem ser simplesmente defesas, a melhor defesa não é o ataque, senão qual é a lógica de defesa ser ataque?

Ataque é ataque e defesa é defesa. Deve gerir bem o teu tempo, imagine que defender custa 1 tempo, e cada lance simples custa 1 tempo só os preço dos lances compostos que varia e podemos associar aos lances compostos todos os lances que envolvem ganhar espaço e tempo do adversário.

O jogo de damas é muito instrutivo e muito simples para se falar de jogos, foi por isso que estamos a analisar esses dois. Quando fazemos um lance que tem o objetivo de definir condições ao adversário, estamos a usar o tempo do adversário e podemos decidir investir primeiramente com o capital alheio, ou seja, com o tempo do adversário também se pode investir. Todo jogo de tabuleiro deve ser sempre jogado no centro, debilitando os cantos para conseguir entrar mais facilmente, os cantos são sempre os lados mais fracos do tabuleiro.

O tempo é um recurso muito útil no jogo. Um lance que aparenta dar três ideias, defende, ameaça ataque múltiplas casas e debilita a posição do adversário, deve ser visto como uma lance em três ou três tempos, deve ser valorizado, deve ser levado a sério e considerado. Por isso em vez de jogarmos, no xadrez assim como noutros jogos como damas, não jogamos, nós movimentamos as peças em função dos lances do nosso adversário, com base no erro que ele comete, a vacina seria essa.

É considerado jogo todas aquelas actividades que vão acontecer ao longo do tempo, como as trocas, estratégicas e tácticas. É considerado jogo um lance com objectivos sólidos e benefícios líquidos. É considerado jogo não o atacar a área do adversário, mas o conservar a nossa área da melhor maneira. Quando fazemos lances com objectivos de explorar os erros do nosso adversário, conseguimos explorar. É só termos um pouco de paciência, um objectivo definido e as coisas vão dar tudo certo.

Damas é um jogo muito simples com linhas fáceis de entender pois entende-se que na dama joga-se apenas nas casas de uma única cor até mesmo depois de promoção, entende-se também que na dama o tempo é bem mais claro que no xadrez pois na dama está tudo mais explicito o que você faz, pois todas as peças são iguais e não tem que se preocupar com o rei, como é o caso do xadrez.

A maneira mais fácil de ver o jogo de xadrez é ver através do jogo de damas. Imagina que você gostaria de ver um jogo mais complexo, um jogo que poderia ser jogado em todas as casas do tabuleiro, que poderia demorar mais que a dama, um jogo mais completo, que tem ideias escondidas, que é muito real assim como nós pensamos, um jogo que teríamos o ponto fraco e funções com lógicas da vida.

Imagina só, as peças da dama no princípio costumam a ser todas iguais, são peões, as peças do jogo de damas têm o propósito de numa sociedade igualitária, lutar para conseguir vencer, você nunca deve se imaginar no jogo, você deve sempre se imaginar jogando, se divertindo, pensando sobre o jogo, você não é peão, não é cavaleiro, gostaria que também não mas, e nem o rei, você é um jogador vivo que pensa nas melhores estratégias para vencer o seu jogo. Você não é um cavaleiro que está a fazer um ele. Você não deve gostar das tuas peças e nem ficar apaixonado por elas, nesse jogo, os sentimentos não importam mais, você só deve imaginar que tem um jogo na mão onde cada peça se movimenta de acordo as regras e jogar em função do erro do adversário e fazer cada lance com objetivo de ganhar tempo.

Você vai vencer muitos jogos se você seguir esses princípios, porque numa sociedade onde as pessoas estão mais conectadas é muito difícil pensar por fora, dói ser egoísta diretamente, e acabamos por esquecer que mesmo que não formos egoístas na vida, temos que aprender a conhecer as armadilhas do egoísmo, temos que desenvolver aquilo no jogo para entender melhor as linhas da consequência porque essas armadilhas contribuem bastante para a nossa capacidade de raciocínio.

Jogo é raciocínio e serve para nos ajudar e não nos prejudicar até mesmo os jogos de gangsters, é jogo, na vida real tem lei que nos podem agredir fisicamente, que tal brincar com a mente no jogo, fazer sofrer a mente no jogo, explorar mais a mente no jogo, que tal pelo menos vencer no jogo?! Tem que pensar sempre assim, os elos de grandes mestres sobem também devido a maneira como analisamos a posição, a linha de pensamento não deve ser ignorada, temos que seguir mais de uma linha pois estamos a nos defender com ataques minados.

A dama é um jogo simples e o xadrez é o jogo completo da dama, ou seja, a dama é demo e o xadrez é completo pois, assim como na dama, peões são promovidos e essa regra é muito familiar no xadrez.

Não é que a dama é outro jogo e o xadrez também. São mesmos jogos porem reduz-se nas possibilidades de confusão para facilitar a compreensão e dar uma lógica preparação para futuros desportos, do xadrez houve necessidade de se repartir a dama para dar uma explicação lógica pois tanto o xadrez como a dama, o objetivo é vencer o adversário usando estratégias com os mesmos números de peças, tal que essas peças devem avançar para destruir a posição do adversário ao mesmo tempo que se defendem, ou seja, no xadrez, estou a falar da dama completa, você não deve olhar para o teu jogo ao fazer o movimento, você deve olhar para a posição do adversário, compreender o seu futuro melhor lance e fazer um lance que preencha lacunas e ataque/mine linhas do adversário.

Existem aqueles lances que nos parecem trocas de tempos, ou seja, um lance meu e outro teu, avançado as peças sem ainda atacar peças alheias.

No xadrez completo são apenas quatro peças que você precisa memorizar as suas funções, o cavaleiro, a rainha, o bispo e a torre. O rei não conta como peça, o rei é a tua baliza, é o teu ponto fraco, é o teu erro, é a tua desgraça, e você precisa mostrar que não tens problemas, voce não deve deixar seu rei numa posição critica, uma posição com poucas linhas soltas, poucas saídas, voce tem que saber se defender das acusações dos outros, voce está a se preparar para entrar no jogo da vida e vai encontrar muita coisa estranha no mercado, bruxos e pastores ganhando seus dólares evangelizando, mas o xadrez é um jogo aplicado a vida real e muitos ainda não deram conta, estão a ser jogados com truques e como tudo o que acontece nas nossas cabeças não tem um valor económico especifico, essas pessoas inocentes, acabam dando aquilo que têm em troca dos vícios mentais. É um jogo aplicado a vida real.

Tudo que fazemos e outros gostam acaba por ser um património publico, que se dane se não estiver num museu. Muitos gostaram, me sinto bem, ou seja, se você conseguir enganar as pessoas da maneira que elas se alegrem, você pode ganhar dinheiro com isso, o Estado somos nós, só tem decretos que dizem quem é quem mais aquilo também não é importante para um cidadão comum como eu mas, a ideia é que se voce tiver uma ideia de enganar alguém e eles gostarem, não perca seu tempo, um dia muito mais de pessoas irão de gostar, e lembre-se que aquilo que você goste, pode ser transformado em dinheiro na vida assim como no xadrez. Aquilo que você faz no jogo devem ter ideias enganadoras, egoístas, e destrutivas, não olhe para isso como se fosse mal, mal não existe nem na vida, são apenas leis que existem.

Toda a sua ganância você deverá expor num mundo de jogos, os jogos servem para te fazer ter a mente aberta, te ajudam a saber se controlar, a saber usar o seu tempo, te ajudam a ter uma decisão, a saber quando actuar, a saber negociar, os jogos te ensinam muito mais do que diversão, os jogos te libertam dos demónios quando você assimila que tudo é um jogo, você não precisa de ser o psicopata do jogo, aquele que sacrifica todas as peças por prazer senão você perde, você deve ter certeza das coisas que faz e saber o problema que poderá ter em troca de algo cometido, deve estar ciente das consequências até no mundo dos jogos, aqui a concentração é muito fundamental, deve estar mais concentrado porque jogos podem ser vistos também como simulações das nossas realidades, então viva da melhor maneira no teu próprio mundo, engane para conseguir o que quiser nesse mundo que não tem lei, destrua porque podes se quiseres, jogue.

Muitas vezes, sabemos toda a teoria mais não conseguimos lembrar tudo aquilo no momento do jogo devido as pressões do adversário. Isso acontece quando aquilo que sabemos não está organizado na nossa cabeça, porque a partir do momento que organizamos o nosso conhecimento e temos a certeza que está tudo conforme, os jogos são vistos como meros jogos onde vamos desenvolver nossas ideias que na vida real são consideradas egoístas.

Todo jogo tem um princípio e um fim.

O princípio cuida da linha principal, das armadilhas que são criadas com base nos lances das aberturas principais, onde é importante realçar que como é um jogo que se joga com 16 peças em 64 casas do tabuleiro, temos que converter o valor das nossas peças em tempo e depois fazer um lance que corresponda mais do que valia antes, devemos preparar bem o lugar para a chegada da peça. Imagine o seguinte, se o cavaleiro vale 3 pontos na casa inicial não deve valer a mesma coisa no meio do jogo, já gastou mais um tempo que seria quatro mas, só que como ele também defende e/ou ataca outras casas do tabuleiro, vamos considerar esse cavaleiro uma peça muito importante para o nosso jogo, cada lance que fazemos deve ser visto como um investimento as nossas peças, as nossas peças devem ser consideradas do valor que dizem quando estão nas posições iniciais, logo que movimentamos já chega a valer outros tempos.

Existe uma maneira de não perder o fio do jogo, você deve saber que está a jogar, nunca se esqueça que está a jogar ao longo do jogo, quando você sabe que está a jogar, você lembra da coisas que acontecem nos jogos e você descobre coisas interessantes, nunca se esqueça que está a jogar, até mesmo na vida, vida como se fosse um jogo, enfrenta riscos porque é assim que se vive, se nos proíbem porque dizem que é para o nosso bem e nos punem como se não tivéssemos o direito de errar, vale a pena viver de riscos, assim se fica mais esperto e mais inteligente. Você aprende com os erros, com a experiencia, e com o tempo, invista num lance que te mostre mais oportunidades de ganhar tempo e valorize a peça do adversário assim como valorizas as tuas para conseguir mais vantagens materiais, pois só dessa maneira que você vai compreender o valor das peças. Por último, entenda tudo isso literalmente, vai fazer o seu subconsciente mais feliz do que nunca, vai assimilar as verdades mais obscuras do universo.